Atendimento: Das 08h às 17h

info@ficase.gov.cv | (+238) 2621545 / 5162462 / 5883668

Ex-beneficiário da FICASE Mobiliza um Contentor de Álcool Gel para as Escolas de Cabo Verde

Criado em 28 de Março de 2022

Responsive image

 


Por: Maria José Veiga                              Fotografias: Wilson Borges


De Portugal para as escolas de Cabo Verde, o álcool gel como instrumento de solidariedade e de responsabilidade social em tempos de pandemia. Uma iniciativa que surgiu em um dos encontros realizados em 2021, entre o administrador da empresa Interhigiene de Portugal (Bruno Costa) e o Diretor Geral da Brilho+ (Norberto Furtado), empresário Cabo-verdiano e Ex beneficiário de bolsa de estudo do governo de Cabo Verde, no âmbito das suas relações comerciais. No decorrer da conversa Norberto soube que a Interhigiene tinha disponibilizado álcool gel para as escolas de S. Tomé e “questionou sobre a possibilidade de a nossa empresa também apoiar Cabo Verde” avançou Bruno Costa, Administrador da Interhigiene, que respondeu afirmativamente ao pedido do seu cliente.

Alunos e parceiro

 

Norberto Furtado identificou a Fundação Cabo-verdiana de Ação Social Escolar – FICASE, como intermediária das escolas, pelas experiências acumuladas, e esta disponibilizou em aceitar a doação e montou uma logística para o desalfandegamento do contentor com 116 424 unidades de desinfetante de mãos e distribuir às escolas de Cabo Verde, no âmbito do reforço do combate à pandemia da Covid-19.

 

“Este apoio foi direcionado para as escolas, tendo em conta o produto em si e também a sua utilidade junto da população escolar, numa altura em que o país registava elevados números de casos de covid-19 (ano 2021), afirma Norberto Furtado. Por seu turno, Bruno Costa afirma que escolheu as escolas porque é preciso “incutir hábitos de higiene na população e começando pelos mais novos é sempre a melhor opção, pois eles são o nosso futuro”.

A cerimónia pública de entrega do álcool gel aconteceu na Escola Abela, na cidade da Praia e foi presidida pela Secretária do Estado do Ensino Superior, Dra. Eurídice Monteiro, que enalteceu o apoio, alegando que “este constitui um grande contributo para todas escolas do país, que, mesmo com a estagnação de novos casos de covid-19 em Cabo Verde, não devem baixar a guarda”.

Presidente da FICASE e Secretária do Estado do E. S.

O Presidente do Conselho de Administração da FICASE, na sua intervenção, disse que esta ajuda vem em boa hora, na medida em que “as escolas são centro de aglomerações de crianças e se foram incutidos hábitos de higiene no ambiente escolar, seguramente teremos adultos mais conscientes no futuro”.

Norberto Furtado e Bruno Costa ao entrarem na Escola Abela e “ver o brilho nos olhos das crianças, sentiram-se realizados e ficaram com sentimento de dever cumprido”, sendo cada um pelo seu motivo. Norberto por ser ex-bolseiro do Governo de Cabo Verde e estar atualmente em condições de apoiar a FICASE na mobilização de apoios para as crianças e jovens em situação de vulnerabilidade. E Bruno Costa por estar no mercado cabo-verdiano há quatro anos e por já considerar Cabo Verde a sua segunda casa.

Dulce Afonso

Dulce Afonso, Diretora do Agrupamento Escolar reforça o agradecimento aos doadores, reconhecendo que este nobre ato, da FICASE e dos seus parceiros e colaboradores, será bastante relevante para as escolas, na medida em que contribui de maneira efetiva para o reforço ´de cumprimento das medidas de contingência.

A embalagem do álcool em gel em frasco de 100 ml permite que os alunos o transportem na mochila e fazer a devida higienização das mãos sempre que justificar. É nosso objetivo também, contribuir para que os alunos criem e adotem uma cultura de higienização das mãos, como forma de prevenir e combater varias doenças, nomeadamente a covid19, finaliza Norberto Furtado.

A distribuição às escolas está a ser assegurada pela FICASE, no quadro da sua logística para abastecimento das cantinas escolares.